quinta-feira, 5 de maio de 2011

Primeira vitória: Bildu estará nas eleições de 22 de maio










O Tribunal Constitucional espanhol tomou uma decisão favorável à presença do Bildu nas eleições com seis votos a favor e cinco contra.

A favor votaram Eugenio Gay, Elisa Pérez Vera, Pablo Pérez Tremps, Luis Ortega e Adela Asua e o presidente Pascual Sala, todos propostos pelo PSOE.

Contra votaram Francisco Hernando, Ramón Rodríguez Arribas, Francisco Pérez de los Cobos e Javier Delgado, todos eles designados pelo PP. Também se juntou a este bloco Manuel Rodríguez Aragón, de tendência progressista.

O tribunal considera que o Supremo Tribunal violou o direito à participação política da coligação formada por EA, Alternatiba e independentes, consagrado no artigo 23.º da Constituição espanhola.

Entretanto, a festa rebentou no Arenal, em Bilbo, onde milhares de pessoas comemoram a notícia. Provenientes de toda Euskal Herria, tinham-se juntado ao longo da tarde para expressar o seu apoio à coligação e repudiar as ilegalizações de candidaturas às próximas eleições.

Foi Pello Urizar que confirmou a decisão, tendo dito que «será um percurso longo mas valerá a pena». Agradeceu ainda as manifestações de solidariedade recebidas de todos os recantos do mundo, bem como «a todas as pessoas que, sem serem afins à nossa opção política, se juntaram aqui». Com ele estiveram Martin Garitano e Oskar Matute.
Notícia completa: Gara e Gara / Na foto, manifestação a favor do Bildu, em Bilbo (Berria).

Nenhum comentário: